Outsourcing de TI

5 mitos sobre outsourcing de TI

Postado por: em 17/04/2019

O outsourcing de TI se tornou uma das formas mais seguras para entregar eficiência e resultados para empresas que possuem um volume significativo de demandas nesse setor.

Por meio dele, as empresas podem atender seu público-alvo com maior assertividade. Além disso, elas podem direcionar a gestão de TI para áreas e projetos prioritários.

Como consequência, todo o empreendimento conseguirá atingir lucros maiores e oferecer um alto nível de competitividade em curto, médio e longo prazo.

Para se ter uma ideia, segundo a Gartner, só em 2019 o mercado de segurança da informação deve crescer 8,7%, chegando a US$ 124 bilhões.

Os três impulsionadores dos gastos com segurança são: riscos de segurança, necessidades de negócios e mudanças na indústria.

Outros números importantes são os a respeito do mercado de TI aqui no Brasil. Nós estamos entre os melhores mercados mundiais de TI, representando cerca de 1,9% das vendas de hardware, software e serviços globais.

Somos o 9º maior mercado do mundo e também representamos 36,5% das vendas totais do setor na América Latina, bem à frente do México, que ficou em segundo lugar com 22,9%.

Esses altos investimentos acontecem, pois o setor de TI e a segurança da informação exigem dos gestores monitoramento contínuo e investimento para se manter longe das ameaças.

Por esses e outros motivos que o outsourcing de TI é cada vez mais comum no mercado. Mas, apesar de todas as vantagens, ainda existem empresários que temem terceirizar sua gestão de TI.

Neste artigo, vamos te ajudar a entender um pouco mais sobre o outsourcing de TI e falar sobre os 5 mitos sobre outsourcing de TI.

Boa leitura!

 

1º mito: outsourcing TI é eficiente apenas para grandes empresas

 

A terceirização do setor de TI, em muitos casos é visto como um modelo de negócios que funciona apenas para empresas grandes. Porém, o outsourcing TI pode ajudar e muito as empresas de pequeno e médio porte. Isso porque elas enfrentam desafios, muitas vezes, proporcionalmente maiores para competir em mercados com alta concorrência.

Ao terceirizar os serviços, uma empresa, independentemente de seu porte, consegue diminuir o impacto causado pela sua troca e direcionar melhor seus investimentos.

As empresas podem obter os serviços por taxas mais baixa do que tentar resolver problemas internamente. Grandes empresas também podem poupar mais ao não precisar montar equipes internas, especialmente quando se trata de projetos temporários.

É fundamental lembrar que não é o tamanho da empresa que determina a possibilidade de obter outsourcing, mas sim suas necessidades, seu planejamento estratégico de negócios e sua cultura.

 

2º mito: a terceirização do TI pode expor a segurança da empresa

 

Como comentamos na introdução do texto, os investimento em segurança da informação vem crescendo.

Não investir em segurança digital pode oferecer grandes riscos para a empresa. Os riscos podem ser causados por ataques de malwares, roubo de dados e exposição de informações sensíveis a terceiros.

Muitas vezes gestores temem que a flexibilização da equipe de TI possa gerar vulnerabilidades a segurança do negócio.

Porém, o que acontece em geral é o contrário. Para um gestor é mais fácil garantir a segurança da informação com recursos terceirizados do que com a utilização de recursos próprios.

Isso acontece porque, para garantir a segurança, o gestor precisa investir muito tempo e conhecimento específico de segurança da informação para validar sua estratégia.

Mas, ao contar com empresas especializadas, ele pode delegar a execução dessas tarefas e se proteger legalmente exigindo controles de segurança e comprometimento de níveis de serviço SLA em contrato.

Existem modelos de outsourcing de TI flexíveis que permitem a personalização de recursos e escopo, de acordo com as normas de segurança e privacidade digital do empreendimento.

 

3º mito: não agregar valor aos serviços da empresa

 

O outsourcing de TI, de modo  geral, não é visto como uma solução capaz de agregar valor aos serviços da empresa. Isso acontece por que o serviço não está diretamente relacionado a área de negócios de uma empresa.

Porém, em setores como o de TI, podem ter um grande impacto no dia dia da companhia. Em especial, na forma como ela gerencia os seus serviços.

Infelizmente, muitas vezes, uma organização deixa de investir em sua estrutura de TI pois julga o custo ser alto. Ela passa a utilizar tecnologias desatualizadas que podem gerar falhas e outros problemas internos.

Entretanto, por meio do outsourcing, tanto de serviços quanto de equipamentos, o custo de propriedade e manutenção é reduzido. Dessa forma, a empresa passa a ter um número maior de pessoas e dispositivos de ponta para a execução de suas atividades.

 

4º mito: outsourcing em TI tira o controle gerencial da empresa

 

Esse mito pode ser associado ao conservadorismo de alguns gestores e a cultura de ter o  controle total interno. Pode ser relacionado também a gestão verticalizada e tradicional, o que dificulta a ideia de contratar serviços terceirizados.

Porém, ao estabelecer parceria com uma empresa de outsourcing experiente e com conhecimento de mercado, os gestores perceberão que não se perde o controle. O cerne será, firmar um acordo de níveis de serviços bem detalhado, estabelecer contratos sólidos e manter uma relação de confiança e cumplicidade.

 

5º mito: não agrega nenhum valor ao negócio

 

Essa afirmação cai por terra quando observamos as vantagens do outsourcing, como a otimização do tempo, o  aumento da competitividade, a possibilidade de fomentar a inovação tecnológica, crescimento dos negócios e o ganho de qualidade.

O alcance estratégico de lançar mão do outsourcing mostra o quanto ele pode agregar valor aos negócios. Isso acontece, pois é possível elevar o nível dos serviços de TI e fazer com que toda a operação e a gestão do negócio sejam mais competitivas. Dessa forma o valor agregado aparece.

 

BÔNUS:

Aqui no blog também já falamos como uma empresa crescer com tecnologia da informação. Listamos 3 dicas super interessantes para o empreendedor direcionar o investimento em tecnologia de acordo com as suas necessidades, de forma estratégica. Clique aqui e confira!

***

Provavelmente você já pensou em contratar uma empresa especializada em outsourcing em TI, caso ainda tenha alguma dúvida e queira se aprofundar mais no assunto, entre em contato conosco. Temos mais de 15 anos de experiência em serviços de outsourcing e tecnologia.